sexta-feira, 9 de novembro de 2018

ESPETÁCULO INFANTIL ANIMA TENDA TPI NESTE SÁBADO




O Grupo de Arte e Vivência Vem pra Vida apresenta neste sábado (10/11), às 18h, na Tenda Teatro Popular de Ilhéus, o espetáculo O Reino adormecido.
A montagem conta a história de um reino muito alegre, onde as pessoas só vestem roupas muito coloridas e adoram cantar, pular e festejar. Tudo muda quando, de repente, algo muito inusitado acontece. Toda vida daquele lugar acaba tendo que se adaptar a uma nova realidade.
Promessa de muita diversão para a criançada.

Ingressos: R$12,00 inteira e R$6,00 meia.
Classificação Livre.



segunda-feira, 5 de novembro de 2018

PROGRAMAÇÃO DA TENDA TEATRO POPULAR DE ILHÉUS EM NOVEMBRO



  
A programação de novembro na Tenda TPI está repleta de boas atrações.

Logo nesta quinta-feira (08/11) tem “UMA CERTA MÃE CORAGEM”, às 19h. O novo espetáculo do grupo é a segunda parte da Trilogia da Guerra, iniciada com “Os Fuzis da Senhora Carrar” em 2017. A nova montagem, um relato sobre a Guerra dos Trinta Anos (ocorrida entre 1618 e 1648) na Europa dividida entre católicos e protestantes, narra a história de Mãe Coragem, uma vendedora andarilha. Ela acompanha a Guerra com seus filhos e sua carroça, comercializando de tudo. A montagem também homenageia Mãe Ilza Mukalê, uma mãe coragem que, como a personagem fictícia, teve que criar seus filhos sozinha.

 


Serviço:          
​UMA CERTA MÃE CORAGEM
Dia 08 (QUI) | 19h
INGRESSOS: R$ 30 e R$ 15







No sábado (10/11), às 18h, tem a peça infantil O REINO ADORMECIDO, do Grupo Vem pra Vida. Os ingressos custam R$ 12,00 (inteira) e R$ 6,00 (meia) 
No dia 16/11 (sexta-feira), às 20h, tem apresentação do espetáculo “O GRANDE YORICK”, da Trupe Teatro Sem Fim.
A montagem conta a história de Willian Chagas e sua luta para ser um grande artista dos palcos. Desde a infância sofrida na periferia, trabalhando com a mãe vendendo acarajé, e a fase adulta na cidade grande, onde ele vai em busca do seu sonho e descobre a ferocidade do sistema para aqueles que seguem a margem da sociedade.
A trama, passada nos dias de hoje, é livremente inspirada em dois grandes clássicos da literatura mundial: Dom Quixote de Cervantes (a triste figura), e Hamlet de Shakespeare (o príncipe louco da Dinamarca).
O diretor Ed Paixão explica que “em épocas tão conturbadas e difíceis, com a retirada dos direitos da classe trabalhadora, o país voltando a extrema pobreza, e com a classe artística sob ataque constante de medidas arbitrárias do governo, apresentar a peça ‘O Grande Yorick’ é um afrontamento consciente, que usa como força motriz o poder da arte teatral contra a opressão”.




Serviço:
O GRANDE YORICK
Dia 16 (SEX) | 20h
INGRESSOS: R$ 20 e R$ 10








No mês de novembro o CINE DEBATE acontece às quartas-feiras a partir do dia 14/11. O projeto consiste num bate papo após a exibição gratuita de um filme correlacionado ao tema do mês: Panafricanismo. Agende-se:


14/11 (Quarta-feira)
Amistad (1997) - Direção: Steven Spielberg
Duração: 2h35min

Uma representação épica de uma batalha sobre um navio cheio de escravos que se revoltam contra seus captadores em alto mar e ancoram em solo americano. Inicialmente, o argumento nas cortes era sobre o problema da propriedade e posse. Gradualmente, os advogados de defesa entendem que a humanidade dos homens vira mercadoria através da escravidão.

21/11 (Quarta-feira)

Mandela: longo caminho para a liberdade (2013) – Direção: Justin Chadwick
Duração: 2h32min

Inspirado na autobiografia de Nelson Mandela, lançada em 1994, o filme retrata todo o percurso traçado pelo líder sul-africano a partir de seu próprio ponto de vista, desde a sua infância, vivendo em uma pequena aldeia rural, até a eleição democrática ao cargo de Presidente da República da África do Sul. Em uma luta constante pelo fim do apartheid no país, Mandela (Idris Elba) chegou a passar 27 anos em cárcere pelo que acreditava.

28/11 (Quarta-feira)

Selma (2014) – Direção: Ava DuVernay
Duração: 2h 08min

Cinebiografia do pastor protestante e ativista social Martin Luther King Jr (David Oyelowo), que acompanha as históricas marchas realizadas por ele e manifestantes pacifistas em 1965, entre a cidade de Selma, no interior do Alabama, até a capital do estado, Montgomery, em busca de direitos eleitorais iguais para a comunidade afro-americana.



Fechando a programação de novembro tem o 1º ENCONTRO AFRO BAIANO DE ARTES – Edição Ilhéus. Atividade cultural com oficinas, apresentações artísticas e bate-papo.

Programação:


30/11 – sexta feira








19h - Show de abertura com Cijay (Ilhéus/Ba) e Banda Percussiva Dilazenze (Ilhéus/Ba) – Ingressos: R$ 12,00 inteira / R$ 6,00







01/12 – sábado 

09 às 12h – oficina de dança com Nanda Rachell (Inscrições no local – valor R$30,00)
19h  - Solo de dança: "IdEntidade", com Nanda Rachell (Jorge Silva cia de dança – Salvador/Ba) – Gratuito.
19h30 – Bate-Papo cultural. (Tema: A arte como espaço de resistência política). – Gratuito.
  

02/12 – Domingo
09h às 12h – oficina de teatro com Leno Sacramento (Inscrições no local – valor R$30,00)
18h – Apresentação do monólogo En(Cruz)Ilhada, com Leno Sacramento (Bando de Teatro Olodum - Salvador/BA) – Ingressos: Inteira – R$10,00 / Meia – R$ 5,00.